Planejamento e Gestão de Conteúdo para Mídias Sociais

O planejamento de ações e conteúdo para as redes sociais tem como objetivo posicionar e reposicionar marcas nessas novas mídias. Para tanto, é desenvolvido um trabalho voltado para o adequado relacionamento das empresas com seu público externo, por meio de conteúdo especializado e direcionado para atender às demandas dessa audiência. Esse relacionamento, atrelado a ações promocionais nas redes, ajuda a marca aumentar a sua fatia de mercado, bem como a melhorar sua imagem, fidelizar clientes e incrementar as vendas.
É importante destacar que as mídias sociais potencializaram as formas de interação entre os consumidores, que, nesses ambientes, passam a ser formadores de opinião para o seu círculo mais próximo e até mesmo para usuários mais distantes. Dessa maneira, a empresa que pretende interagir com esses clientes deve contar com um planejamento e uma gestão de conteúdo adequados para a sua presença nas redes sociais.
 


Benefícios

  • Aumento do impacto de mídia
  • Possibilidade de geração de buzz marketing
  • Estreitamento do relacionamento e da identificação do público com a marca
  • Contribuição para a experiência e a interatividade entre marca e consumidor
  • Melhoria da reputação da marca
  • Redução dos riscos decorrentes da difusão de conteúdos negativos para a empresa
  • Aumento da fatia de mercado
  • Incremento a vendas


Quando Aplicar

Esse serviço é recomendado para as empresas que objetivam alcançar os benefícios proporcionados pela comunicação e o marketing por meio das mídias sociais

Processo e Equipe

Etapas da atividade

  • Planejamento do projeto

    Nessa etapa são definidos os objetivos da presença nas redes e avaliados e mapeados os cenários da marca e seus concorrentes diretos e indiretos nesses ambientes.

  • Estruturação dos canais nas redes sociais

    Durante essa fase são criados ou aperfeiçoados os perfis das empresas nessas novas mídias.

  • Definição da brand persona e construção de guidelines de conteúdo

    Nesse momento são delimitados os fatores que norteiam a produção de conteúdo para as redes sociais. É o caso da escolha da brand persona, ou seja, a definição da linguagem a ser adotada na comunicação da empresa com o seu público.

  • Planejamento das ações

    Essa etapa envolve a definição das ações que orientarão o desenvolvimento de conteúdo institucional para as redes sociais, incluindo o planejamento para gestão de crise.

  • Desenvolvimento de conteúdo especializado

    Nessa fase são produzidos os conteúdos especializados para a empresa – e relevantes para o cliente –, abordando temas sobre a marca, seu negócio e mercado.

Entregas Esperadas

Análise de cenário, documento que indica quais são os concorrentes diretos e indiretos, como é o trabalho deles nas redes que serão trabalhadas e ainda aponta o posicionamento adequado para o cliente nas redes sociais

Planejamento das ações

Conteúdo especializado, a ser publicado nas redes sociais, além de resposta a questionamentos e dúvidas dos clientes sobre produtos, serviços ou ações da marca (SAC 2.0), Veja mais na ficha SAC 2.0.

Plano de gestão de crise, que reúne ações voltadas para minimizar ou contornar informações negativas sobre a marca

Relatório de resultados por períodos predefinidos entre agência e cliente, bem como de avaliação de crescimento e maturação da marca nas redes sociais

Prazo

A duração do planejamento depende da complexidade do projeto, podendo demandar um prazo de até dois meses. A gestão de conteúdo para mídias sociais, por sua vez, deve ser uma ação permanente.

Profissionais Envolvidos

Coordenador de redes sociais

Desenvolve o planejamento do posicionamento do cliente nas redes sociais.

Analista de conteúdo

Apoia a coordenação no planejamento e proposição de ações e responde pela gestão de conteúdo nas redes, pelo monitoramento das mídias sociais e pela realização de SAC 2.0.

Programador

Desenvolve aplicativos para as redes sociais.

Designer

Cria as peças e a identidade visual da marca.

Como selecionar

Critérios para seleção

  • Experiência dos profissionais selecionados para a atividade
  • Identificação de que os perfis envolvidos no serviço fazem parte do corpo técnico da empresa
  • Apresentação de cases de sucesso dentro do escopo pretendido
  • Entrega de exemplos de materiais criados em projetos anteriores

Variáveis de consumo

  • Custo baseado em hora-homem

Referências

  • Livro: “Social Business by Design – Transformative social media strategies for the connected company”

    Dion Hinchcliffe e Peter Kim

  • Livro: Mídias Sociais nas Empresas – Colaboração, inovação, competitividade e resultado”

    Arthur L. Jue, Jackie Alcalde Marr e Mary Ellen Kassotakis

  • Livro: “Liderança Aberta – Como as mídias sociais transformam a forma de liderarmos”

    Charlene Li

  • Livro: “Get Bold – Using social media to create a new type of social business”

    Sandy Carter

  • Livro: “Engage”

    Brian Solis

  • Livro: “Gadget – Você não é um aplicativo!”

    Jaron Lanier

  • Livro: “O cliente é quem manda – Como ter sucesso num mundo em que os consumidores satisfeitos divulgam suas experiências para três pessoas e os insatisfeitos para 3 mil”

    Pete Blackshaw

  • Livro: “Estratégia em Mídias Sociais – Como romper o paradoxo das redes sociais e tornar a concorrência irrelevante”

    Fabio Cipriani

  • Site: Mashable

  • Site: Social Media Examiner

  • Site: Mídias Sociais

  • Site: TechTudo

  • Site: Brainstorm9

  • Site: AdNews